Arquivo da tag: amor

Tampa Coração

cora     ção Lembra do cantinho com teu nome? Das orelhas dividindo o mesmo fone? Daquele olhar que acaba até com fome? Tudo cantinho coração. coração Lembra das bochechas encovadas? Das cócegas destinadas À minha boca escancarada Num sorriso … Continuar lendo

Publicado em Freico Nordon, Poema | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Compreende Menino, menino!

Compreende o Menino? Sua cabeça é bomba de problemas encarecidos parecido é seu sono: miúdo e aflito. Quem entende sua falta de papo? ou de sorriso farto ou de programa grato ou carinho de fato? Menino geme no choro jorra … Continuar lendo

Publicado em Poema | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Bobo!

Sabe, o amor deixa qualquer coisa bonita, cheirosa, maculada e expressiva. Diga-me alguém, que vivenciando um amor, enxerga total escuridão! Isso mesmo! Não existe. Porque quando se ama, o ser abobece, sim, provavelmente este termo não exista, todavia sei que … Continuar lendo

Publicado em Base de raciocínio, Poema | Marcado com , | Deixe um comentário

O ‘Camlor’

    Deixe o dedo moço do amor… deixe-o contornar seu corpo saborear de seu sumo fruto cutucar de tua boca os melhores e mais saborosos beijos cadentes, pois a ânsia de tudo as perspectivas de mundo nunca serão as … Continuar lendo

Publicado em Base de raciocínio, Poema | Marcado com , , | 2 Comentários

A Ironia da Lógica: Razão

Definitivamente, o ser humano não é apenas um monte de carne, com pele, órgãos, nervos e veneno… Ser humano é um montante de sentimento incrustado numa carapaça que lhe faz real: seu rosto, seu corpo, mas apenas isso, de resto … Continuar lendo

Publicado em Base de raciocínio, Crítica, Freico Nordon, Poema | Marcado com , , , , | 4 Comentários