Vezes Choro

VEZES CHORO!

Sinto vazio que brota em peito.

meu queixo cai sobre ele:

pensativo!

Desisto de pensar por “n” vezes

mas sempre volto com um “porém”…

sofro quase sempre pelos outros,

pois que se fosse apenas por mim

não sofreria, sorriria deveras sempre!

Não gosto de ser assim:

cheio de sentimentos e pesares

em contrapartida…

inda vou me apegar na dor minha

somente minha, caso houver!

Sofro por ser aprazível, doce,

interessado…

Interessante atentar

que o motivo da dor

é não ter motivo!

Flerto com meus pensamentos

Namoro com minha consciência

Caso com meu coração

E quase sempre

divorcio de minha coerência!

                                                       _Maickson Alves_

Anúncios
Esse post foi publicado em Base de raciocínio, Freico Nordon, Poema e marcado , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Vezes Choro

  1. Aline Cabral disse:

    me divorciei da minha consciÊncia há anos…Parabéns!1 Belo texto

  2. Marlenilde disse:

    Eu bem que gostaria de divorciar-me da minha consciencia e passar a sofrer pelo meus problemas que nao sao poucos, mas sim sou adepta e me encaixo como uma luva a esse texto…adorei! tocou…

    • freiconordon disse:

      Grato pelo comentário!! Mas é isso mesmo… essas dores as vezes, nos persegue, basta abrir os olhos às coisas que merecem atenção, nisso tudo!!!*-*

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s