Vi Dois Velhos!

VI DOIS VELHOS

Hoje vi um velho

Mastigando.

Os lábios moles

Secos

Faminto, roendo

Um pedaço de frango

Não tinha tantos anos

Contudo, seu rosto

Já se aposentara

E suas rugas

Eram frutas

De anos que não vivera.

Vi outro pelo caminho

Velhinho, arrancando do pé

Ladeado à estrada

Um punhado de goiaba

Roendo, gostoso, a fruta

Que se diz “fruta”

Por ter cor e formato de fruta

Safo!

Cresciam os dois na estrada!

Me imaginei velho

E nada vi

Nem grisalho, bico mole

Calvicie ou cirrose

Vi nada

Nem esclerose

Mas o que não vi, não te digo

Posto que inimigo

Me veio a velhice em tosse!

Anúncios
Esse post foi publicado em Base de raciocínio, Poema. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s